Notícia

Presidente da ADBB faz pronunciamento após eleição na 99a Assembleia da CBB

Irmãos diáconos Batistas do Brasil, é com muito temor e tremor que assumimos essa missão dada por Deus, através da confiança em mim depositada pelos diáconos Batistas brasileiros reunidos em Natal - RN, em 23 de Abril de 2019. Naquela que foi uma das maiores reuniões de diáconos que já presenciei. Essa data vai ficar marcada na minha vida, depois de exatamente 17 anos e 10 dias da minha consagração ao Ministério Diaconal, ocorrido na Segunda Igreja Batista do Plano Piloto em Brasília-DF; naquela época com 35 anos de idade, e neste tempo ser escolhido por Deus para estar a frente de uma Organização tão importante de nossa denominação.

Não poderia deixar de lembrar neste momento das palavras de incentivo e orientação da pessoa que considero a minha mãe na fé, mulher que me inspirou no ministério diaconal pelo zelo e dedicação, e que hoje desfruta das maravilhas celestiais, minha querida e saudosa irmã diaconisa Jacyra Martins Soares, a quem presto uma homenagem através do meu trabalho, esperando ser digno de fazer, pelo menos, um pouco de tudo que ela me ensinou durante os mais de 18 anos de convivência.

O tempo, como diz meu amigo e pastor Fernando Brandão, é de avançar. Precisamos estabelecer uma nova relação com os diáconos no Brasil. Os pilares do nosso trabalho, junto aos irmãos da nova diretoria e Conselho da ADBB, vão ser os seguintes: Comunicação, Autossustento e Capacitação (CAC).

Entendemos que precisamos alcançar, quiçá todos, se não grande parte dos diáconos desse nosso Brasil de dimensões continentais. Vamos utilizar recursos da tecnologia ao nosso alcance para unirmos os diáconos de Norte a Sul e de Leste a Oeste. Estaremos na Internet, nas redes sociais, através do WhatsApp, nas vídeo-conferências. Tudo isso para ouvir os irmãos e dar voz aos anseios dos diáconos do Brasil.

Precismos buscar estratégias, pedindo sabedoria vinda dos céus, para que nossa Organização seja autossustentável financeiramente; precisamos dos recursos que Deus já tem colocado em nossas mãos, para que possamos fazer mais e melhor sem sobrecarregar nenhum irmão. Louvo a Deus pelo multiplicar dos pães e peixes em todos esses anos; mas, o nosso Deus é dono do ouro e da prata, nós cremos nisso e podemos contribuir mais, para sermos bênçãos no Brasil Batista.

Por último e não menos importante, vamos avançar na capacitação, formação e qualificação dos nossos diáconos; vamos trabalhar junto com nossos Seminários Batistas na organização de cursos para formação de diáconos, disciplinas nos cursos de formação de liderança com ênfase no diaconato e, principalmente, identificar e fornecer capacitação para aqueles que são chamados por Deus para esse ministério abençoador.

Eu tenho um chamado por Deus para exercer o ministério diaconal e vou trabalhar com todas as minhas forças para que muitos diáconos e diaconisas, chamados por Deus, possam exercer seu ministério com excelência, e que a Associação dos Diáconos Batistas do Brasil seja instrumento para alcançar essa excelência, tudo para honra e glória do nome do nosso Deus.

Que Deus nos abençoe. Conto com a participação de todos vocês! 

Por: Fabio de La Plata, presidente da Associação de Diáconos Batistas do Brasil