Notícia

Plantação da Igreja Batista da Lagoa, em Recife - PE, completa o primeiro ano

No dia 26 de agosto de 2017, na região da Lagoa do Araçá, em Recife - PE, foi iniciado um projeto de plantação de Igreja em uma localidade ainda sem a presença Batista. Alinhado com a visão Brasil 2020, da Junta de Missões Nacionais (JMN), Miguel Lima, na época concluinte do curso de Teologia do Seminário Teológico Batista do Norte do Brasil, junto a 14 líderes vocacionados e, aproximadamente, 20 voluntários, realizou uma Ação de Compaixão e Graça na praça de eventos do bairro (Projeto Servir). Entretanto, além de abençoar materialmente as pessoas, esta ação tinha outro propósito: formar vínculos com a comunidade, a fim de levantar uma Congregação Batista e multiplicar discípulos.

De forma simultânea, um Pequeno Grupo Piloto foi iniciado dentro de uma perspectiva de formação de liderança e treinamento da Visão de Igreja Multiplicadora, Igreja fora das quatro paredes e Igreja Contemporânea. Seis meses depois, este Pequeno Grupo Piloto formou quatro Pequenos Grupos Multiplicadores na comunidade, por meio dos relacionamentos desenvolvidos durante as ações do Projeto Servir, que já se repetiam mensalmente.

Já em sede provisória, no dia 26 de agosto de 2018, a Lagoa, como é conhecida a Igreja, celebrou um ano de caminhada. Na ocasião, representando a Igreja mãe da Lagoa, o pastor Alberto Freitas, titular da Igreja Batista Emanuel em Boa Viagem, ministrou a Palavra, que se baseou no tema “Para a Glória de Deus”. Durante o culto, líderes de Pequeno Grupo apresentaram resultados da prática dos relacionamentos discipuladores e a forma com que se engajaram ao visitar os campos da Convenção Batista de Pernambuco, incentivando em todo o tempo a visão missionária. Ao final da celebração, o missionário de Alianças Estratégicas da Junta de Missões Nacionais, Jamerson Silva, deu uma saudação à Igreja e orou em agradecimento ao Senhor Deus os frutos deste trabalho.

Após o culto, Miguel Lima expressou a alegria e satisfação de perceber que é possível começar um projeto missionário de plantação de Igreja sendo ainda um seminarista. O projeto da Igreja da Lagoa não compreende apenas formar mais uma Congregação Batista, mas, também, despertar jovens para o pastoreio, liderança e, sobretudo, inspirar seminaristas a voltarem a sonhar com plantação de Igrejas. A liderança da Igreja ainda pontua o desafio de equilibrar a tradição da reflexão teológica, a paixão missionária e o processo de formação de liderança de forma contínua.

Para o segundo ano de história, a Igreja planeja investir ainda mais no processo de formação de liderança e na multiplicação dos pequenos grupos, além de impulsionar atividades e eventos para promoção e despertamento do princípio de plantação de Igrejas.

A liderança da Igreja agradece ao apoio que a Junta de Missões Nacionais tem oferecido durante a jornada da plantação, em especial, aos pastores Fabrício Freitas e Diogo Carvalho, bem como a todos os voluntários que todo terceiro sábado do mês dedicam suas profissões e vidas ao projeto Servir, e assim, à comunidade da Lagoa do Araçá. Acima de todas as coisas, a Igreja agradece a Deus a oportunidade de sonhar e viver os Seus planos.

Por: Miguel Lima, líder da Plantação da Igreja Batista da Lagoa ; Marília Andrade, líder de Missões


 
 

Fotos