Artigo

Compartilhemos Graça e Misericórdia

A proposição a ser desenvolvida pela Convenção Batista Brasileira (CBB) no ano de 2021 estará contextualizada à realidade da nossa gente. As evidências vividas servem de sustentação e objeto do que haveremos de compartilhar no próximo ano.

 

A CBB respirará, em 2021, o partilhar em ambos os seus objetos: expondo diretamente os problemas cruciais da nossa sociedade brasileira com todos os sofrimentos que revestiram as famílias e a vida social, tanto no trabalho, quanto na educação e lazer. Partilharemos, indiretamente, os desafios comuns de nossas Igrejas e convívios particulares junto a nossas instituições religiosas e educacionais. Nesse tempo, em que o compartilhar não se conjuga com o aglutinar poderes; onde o dividir deverá ser apreendido com multiplicar, como bem entendem nossas Juntas missionárias com seus eficientes projetos de multiplicação variada.

 

Em 2021, a Convenção Batista Brasileira compartilhará, pois a graça e a misericórdia da parte de Deus Pai e do Senhor Jesus Cristo, tal como João ensinou em plenitude, ao desejar que a verdade e o amor dessas virtudes, acopladas à paz, acompanhassem aos seus filhos (I João 1.3).

 

Os Batistas oferecerão o que seu povo e sua gente espalhada pelo Brasil não podem conquistar por mérito próprio, por falta absoluta de recursos. Assim, a pregação e ensino da Palavra serão mais intensivos. Cada Igreja será desafiada, com mais precisão, a ministrar o Evangelho da graça, que ameniza o sofrimento e favorece a esperança. E isso só pode ser conquistado pelo testemunho intransigente de cada membro de nossas Igrejas. Afinal, muitas pessoas ainda não tem esperança no mundo por não conhecer a Jesus.

 

Em 2021, cada Batista brasileiro será desafiado para praticar mais intensamente a solidariedade para com os que padecem os flagelos que estão a abater a nação em todos os seus quadrantes, situações e circunstâncias. A desgraça que se agiganta, o sentimento de dor e com relação aos que sofrem tragédias pessoais, familiares e sociais ou que caírem em desgraça, serão o alvo da solidariedade da Convenção Batista Brasileira em cada um de seus projetos.

 

Compartilhemos, pois, a graça e a misericórdia, a ponto de favorecer humanos iguais que se desigualam pelo endereço dos flagelos que nos abatem.

 

Rubin Slobodticov

pastor, colaborador de OJB